segunda-feira, 31 de maio de 2010

Mãe, nossa mãe


"Mãe, nossa mãe
Mulher escolhida por Deus
Humildade a serviço do Pai
Por seus filhos na terra, rogai

Mãe, nossa mãe
Carregaste no ventre o amor
Senhora mãe de Jesus Salvador
Mãe da Igreja e dos povos também

Guiai nossos passos, mostrai o caminho a seguir
Maria mulher, esposa fiel
Maria de Deus, companheira, na luta do povo
Humildade e poder, és agraciada no céu

Maria, és Tu, protetora dos oprimidos
Mãe dos povos sofridos és bem aventurada
Mulher peregrina, exemplo de amor e ternura
Escolhida de Deus, és iluminada

Maria, pureza, és imaculada
Ave cheia de graça, por todos rogai
Protegei o teu povo, consolai os pequenos
Santa Mãe de Jesus, este mundo amparai"


Música inspirada e dedica à Novena de Imaculada Conceição, Paróquia de São Gaspar Bertoni, Uberlândia, MG
Ailton Domingues de Oliveira

31/05/10

domingo, 30 de maio de 2010

Existe algo sim

"Existe algo, sim,
Existe algo em mim
Uma força que brota
Um desejo de ser, de viver
Uma chama que consome
Mas não mata, apenas alimenta
Em noites de grandes tormentas
Felicidade imperfeita
Sofrimento que fortalece
Me faz permanecer vivo, ativo
Um vigilante alerta
Alerta para a vida vivida e a sê-la
Vida divina mas imperfeita por estas mãos
E que se divide no peito
Razão e emoção
Te querer, tão quanto saber de Tua necessidade
Mostra-mês a cada dia
Na simples alegria
O quão maravilhado sou
Ao aprender ser filho com meu filho
Na simplicidade do pequeno ser
Felicidade no tempo da vida
De toda a vida
Existe algo, sim,
Existe Deus em mim."

Ailton Domingues de Oliveira

30/05/10

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Indissolúvel


Indissolúvel é o Teu Nome Mulher
Por entre gerações, bem aventurada será
Indissolúvel é a Tua história de Amor
Os teus filhos te aclamam, a uma só voz nossa Mãe

Teu exemplo de vida sempre lembrado
Iluminada fé, doçura e gratidão
Sem hesitar aceitou sua missão
Sentiu na alma a dor de seu filho amado

Santidade e pureza, dons divinos
Mulher de tantos nomes, mãe dos pequeninos
De um SIM ecoado pela eternidade
Mãe de Deus, nossa Mãe, perfeita Santidade

Invencível é o teu poder de Rainha
Insuperável é o teu exemplo de amor
Inigualável é a tua humildade de serva
Inabalável, Maria, é a tua fé



Música inspirada nas festividades de "Maria", Mãe de Jesus e nossa, cantada pela primeira vez, na Festa de Imaculada Conceição, Paróquia de São Gaspar Bertoni, Uberlândia-MG. Dezembro/2.010.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Deus chama

“Almas inocentes por vós Eu espero
Almas pequeninas, no Pai, por vós Eu venero
Almas excluídas pela frieza da mundana vida
Almas perdidas, foi por vós que Eu vim

Agonizei no horto das Oliveira
Fui flagelado, humilhado e ferido
Recebi a coroa de espinhos
Carreguei nos ombros a cruz de seus pecados até o calvário
Aceitei o convite do Pai
Nesta mesma cruz abri meus braços
Entreguei meu Espírito ao Pai
Por amor”

Ailton Domingues de Oliveira

25/05/10

quinta-feira, 20 de maio de 2010

À beira do abismo

“Horas, malditas horas,
Que ora perduram!
No tempo incontrolável dos fatos
Sem solução de cunho imediato
Na agonia de uma noite vazia
Angustiante espera
Resultante em quimera
O medo de um novo tropeço
Na confiança deposita no novo
Na nova chance e oportunidade da vida...
Meu Deus,
Vejo o abismo próximo
Uma forte correnteza
Que me arrastou à sua beira
O medo, a insegurança... dúvidas, talvez!
Sensações do sentimento ferido
No corpo refletido
Dor incontrolável que não há remédio
Silêncio profundo do tempo
Calada noite
Em Deus segurada
Entranhas de um mundo ainda desconhecido...
No ouvir do som de tua voz
Toda estranheza se transforma em leveza
Alívio imediato
A indistinção do querer estar bem
Ainda estando ferido
Nas palavras incompreendido
Não te querer por hora
Mas te desejar desde outrora
Até o raiar de outras auroras
É o que se cravou no mais íntimo e empedernido canto
Deste corpo que sente tanto,
A falta do calor dos teus abraços...
O medo de sofrer após tanta felicidade
Assombrou nesta noite já encerrada...
Nem tudo ficou no seu devido lugar
E por onde agora começar?
Deus conosco neste momento
E em todo sempre estará.
Certo de cada palpitação por ti sentida
Consciente de tua importância em minha vida
Na paisagem deste abismo
Visto numa noite sombria
Agora já se transformando
De lágrimas em sorrisos
De frio em calor
De folhas secas em flores...
Amor se sente vivendo intensamente...
Na certeza de querer estar
A cada instante mais e mais
Seguindo neste caminho único de amor e paz
Ao teu lado, em Deus, hei de trilhar
Mulher de fibra
Te quero em todas as estações de minha vida.”

Ailton Domingues de Oliveira

20/05/10

segunda-feira, 10 de maio de 2010

O tempo e a distância

“Fez-se necessário o aprendizado pela dor
Assim, foi dado o devido valor
Ao que se perdeu em si...
Tempo e distância que caminham lado a lado
Foi o apoio do crescimento
Foi preciso esperar na Fé
O tempo passar lentamente
E sentir em cada segundo passado
A distância do que ficou marcado
Feridas se fecharam
Flores se abriram em novas primaveras
Esperança renascida, em nova vida
Valores resgatados, em novos aprendizados
O tempo, companheiro
A distância, mal necessário
Foi com ele que Deus ajudou-me na superação das mágoas
Foi com ela que também Ele,
Fez-me crescer, tal qual a fruta verde,
Agora, já aparentada de uma nova cor
Pelo tempo, pelo sol, pela chuva
Na brisa de cada estação
Tempo e distância
Fizeram o cenário da mente e do coração
Ansioso por um futuro
Agora, já presente
Tempo e distância
Ousadia, esforço, querer
Mas antes de tudo a Fé
Alimentada, vivida e crescida
Em cada gota de lágrima derramada
Lições aprendidas
Histórias vividas
Experiências sofridas
Mas hoje uma nova vida
Bastou olhar nos olhos do tempo
E rever as primeiras lições
Que nem ele e nem a distância apagaram
E assim, resgatar os princípios da vida e da fé
O tempo hoje, companheiro
Que divide cada segundo da história real
A distância, amiga que se tornou
Agora reconhecida e merecida
Para o verdadeiro amadurecimento
Eles, ainda, transpassam a dor
Mas, valeu cada segundo, cada milímetro.
Eis-me aqui Senhor!”

Ailton Domingues de Oliveira

10/05/10

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba os conteúdos por email