sexta-feira, 13 de novembro de 2015

A necessidade do romper-se


Falar sempre e somente através de uma única óptica é discurso fadado de simplismo, romantismo, ingenuidade ou, talvez, ignorância. Por parte de alguns o tom é regado de hipocrisia mesmo. Romper-se do lugar onde se espreita é necessidade básica para uma visão mais ampla e dinâmica sobre o mesmo enfoque. O entrave está no compreender e aceitar essa necessidade do romper-se. Sair da passividade do conforto é diferente de simplesmente discursar. Colocar-se à caminho dispensa falácias.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba os conteúdos por email