quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Avulsos


Sou o que tenho que ser
Nem pra mim
Nem de ti...


Quando eu digo que ninguém é de ninguém não to falando que todo mundo é de todo mundo.


Na vida
Entre incertezas
E tempos inconstantes
Existe a mística Divina
Que se houvesse explicação
Não se chamaria Fé.


A partir do caos, o recomeço
Após a tempestade, a calmaria
Após a luta, o descanso
Toda escolha exige renúncias
Toda escolha têm consequências

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba os conteúdos por email