sábado, 29 de dezembro de 2012

Última folha: Eis-me aqui Senhor! III



"Tempo e tempos
Desertos, montanhas, céu, rios
Trechos por onde percorri

Por vezes a sensação de passar desapercebido
Num lugar, durante um longo tempo,

Viver como se fosse em vão
Bate forte em meu consciente

Não nascemos para assistir o tempo se acabar
Ao contrário, nascemos para atuar
No palco de nossa vida, pelo menos
Nascemos para mudar, 
Nascemos para ser,
Nascemos para acontecer,
Nascemos e não foi em vão...
Na última folha que se encerra 
No diário deste ano, 2012,
Fica o pesar daquilo que não pode acontecer
Ou, talvez não tenha acontecido de maneira correta.
Fica também a esperança de fazer melhor
Diante da simbólica mudança 
Que a data representa no coração de cada um
Não mais ausentarei-me de mim
Não mais ausentarei-me de Ti, Senhor
Nesta última folha que se encerra
Renovo meu compromisso
De no mínimo, 
Ser melhor do que fui ontem...
Eis-me aqui Senhor!!!"
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba os conteúdos por email