sábado, 21 de maio de 2011

A lua e a estrela

"Tema de poesia única,
época do colégio,
inspirada e dedicada a um amor
platônico e complicado,
por sua época, seu momento, seu tempo ...
A Lua e a Estrela,
não só na poesia inocente
de adolescente
mas na real história
do dia a dia com dores e alegrias
sempre acompanhou e inspirou
momentos de êxtases
românticos, espirituais, fraternais
momentos de doces lembranças
ou amargas decepções
Tal Lua e tal Estrela
aparecem neste céu em temporadas curtas
A Lua por si só, explendorosa
A Estrela, com seu brilho diferencial
e destaque incontestável entre as demais
Elas se juntam a um espaço
que nos dá a impressão
de que se entreolham, num respeito mútuo
de grandeza e pequenez
fragilidade e doçura
romance e encanto
Poesia aos olhos
A Lua e a Estrela
Numa grande noite
de áura divina e magia
disse ao ser,
ao qual dedico grande parte dos meus momentos
da minha vida e minha existência,
que toda vez que olhasse para o céu,
para aquela estrela em especial,
se lembrasse que eu olhava por ele ...
e ... que ela seria o meu presente eterno.
Ele, não se esqueceu.
Meu filho, minha estrela
Eu, a sua lua
Poesia aos olhos
Admiração, respeito e graça
unidos num infinito céu
jamais separados por distância alguma
Ele, minha benção
Eu, o seu refúgio
Amor inexplicável
Dedicação impagável
Vida da vida
Vida que nasce da vida humana
Minha inspiração divina,
através de meu divino Deus
Fonte inesgotável, razão, motivação
Peso maior de uma mudança agraciada
Por ele que fiz, que vim, que me renunciei
Hoje, feliz, reencontrado,
tenho inúmeros motivos para ficar
Simplesmente, a Deus, obrigado."

Ailton Domingues de Oliveira
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba os conteúdos por email