sábado, 21 de maio de 2011

Terra

"Da terra brotou o alimento
Do alimento, o necessário para a vida
Da terra jorrou a fonte
E a água formou o mar
Da terra o céu abraçou-a
E assim a sintonia firmou
Da terra a lua enfeitou-a
E ela iluminada ficou
Da terra a estrela brilhou
E trouxe o brilho às vidas
Do grupo uma família formou
Muitos nomes surgiram e aceitaram
Caminhada longa e complicada
De espinhos que protegem a flor
Flor que vale a pena o espinho
Graça, ternura, beleza e fortaleza
Histórias diversas, aversas e avessas
Dores, alegrias, perseverança e céu
Brilhos, talentos, romance, esperança
A lua e a estrela
Tempestade, calmaria, agitação, recompensa
O mar da vida
Elementos e alimentos
Diferenças e entendimentos
Rumo e objetivo
Um só corpo e vários membros
Somos assim,
Somos o Grupo Terra,
Nem pior, nem melhor
Apenas diferente..."

Poema dedicado ao Grupo de Jovens TERRA, Comunidade de Imaculada Conceição,
Paróquia São Gaspar Bertoni, Uberlândia, MG.
Ailton Domingues de Oliveira
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba os conteúdos por email